Sexta, 07 de Outubro de 2022
°

-

Cidades Cameras do COI

Redução dos crimes é tema de reunião do São José Unida

Saúde

02/10/2022 às 18h10
Por: Marçal Jr Fonte: Prefeitura de São José dos Campos
Compartilhe:
Redução dos crimes é tema de reunião do São José Unida

Sheila Faria
Secretaria de Proteção ao Cidadão

A redução dos índices criminais em São José dos Campos foi o principal tema da 21ª reunião de trabalho do programa São José Unida, realizada nesta sexta-feira (30), no Paço Municipal.

O encontro reuniu todas as forças de segurança da cidade para apresentação de avanços e metas para melhorar ainda mais a segurança pública da cidade, que é referência no país.

Participaram da reunião os comandos das polícias Civil, Militar, Científica, Rodoviária Federal, Guarda Civil Municipal, Bombeiros, Samu, Defesa Civil, Fiscalização Municipal, Detran e representantes da Prefeitura.

Graças ao trabalho integrado das forças de segurança e do CSI (Centro de Segurança e Inteligência), da Prefeitura, os índices criminais de São José são os mais baixos dos últimos 20 anos. Nesse período, as mortes violentas caíram mais de 80% na cidade.

Nos últimos seis anos, com o São José Unida e investimentos em inteligência artificial, os índices mantêm queda acentuada, como de roubo de veículos, por exemplo, que passou de 554 casos de janeiro a agosto de 2016 para 152 casos no mesmo período deste ano (redução de 72,6%).

“Os indicadores criminais em baixa na cidade mostram que estamos no caminho certo, caminho da união, da coesão de esforços pela segurança", afirmou o Coronel PM Carlos Henrique Lucena Folha, comandante do CPI-1 (Comando de Policiamento do Interior-1). "Essa conjugação de esforços em prol da população maximiza o efeito da sensação de segurança. É uma sinergia muito positiva."

Cão famoso

A apresentação do cão Maní pela Polícia Científica atraiu as atenções durante a reunião do São José Unida. Ele é o único animal do Brasil e da América Latina a farejar sangue mesmo que o local tenha sido lavado.

Na simulação, Maní comprovou a fama e achou com sucesso um pedaço de pano com vestígios de sangue oculto na sala quando o animal estava fora. Dócil e gracioso, é um dos 5 cães no mundo capaz dessa proeza. Ele foi treinado para a tarefa por dois anos.

“O Maní é o nosso mascote e nos ajuda muito. Com ele, reduzimos bastante o tempo de trabalho em uma investigação criminal”, disse o perito criminal Silvio Luiz Ramos Garcez, diretor da Polícia Técnica Científica do Vale do Paraíba.

 

GALERIA DE FOTOS

MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Proteção ao Cidadão

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários